3 de março de 2008

Mais de mil palhaços no salão

Fonte da foto


Primeiramente gostaria de me desculpar com os blogueiros viciados pela minha ausência e falta de consideração, mesmo sabendo que minhas Linhas não são lá essas coisas... Mas há doido pra tudo, ou não.
Eu estava com uns problemas em minhas hemorroidas e não conseguia ficar sentado por muito tempo, e como tenho labirintite não consigo digitar em pé, mas você pode estar se perguntando porque não pedi a alguém para fazer isto por mim, e vou responder sua importante dúvida: egoismo! É isso mesmo. Não compartilho minhas linhas com Sr. Ninguém.
Em seguida gostaria de pedir-lhe para não ler esta postagem, pois com certeza ela não fará bem à sua cognição.

Bem, deixemos de baboseiras. Vamos lá...

Muitas vezes vi um certo debate - se é que poderia ser considerado um - sobre o Carnaval. Uns dizem: "o Frevo é melhor". Outros: "sou mais o Axé". E tem quem diga: "eu sou Mangueira". Afinal, o que alegra mais a grande massa brasileira?
Baianos X pernambucanos, pernambucanos X cariocas, cariocas X baianos, ou seja, diferente X diferente (o modo como está exposto parece até um combate mortal, e para explicar melhor criarei um espaço chamado "Bula", onde, nele, transmitirei um pensamento transformado em estória para melhor elucidar Dona Linha).

Bula: "Vai começar o combate. Na parte de baixo está o Carnaval do Rio de Janeiro e suas Escolas de Samba. Na ponta de cima vem o Carnaval de Pernambuco com seu Frevo e Maracatú. Entre eles está o Carnaval da Bahia com o Axé e suas derivações reboladeiras. O combate é bastante acirrado, com oscilações na liderança. Pernambuco - a Grande Recife - inicia o embate logo com suas taxas de violência. Dá um cruzado de direito com seus lindos Córregos de esgoto no meio da cidade. Tamanho cheiro deixa Salvador e o Rio atônitos. E no mesmo embalo Salvador dispara suas taxas de desemprego e da polícia mais violenta do Brasil. Magoado, o Rio imediatamente contra-ataca com suas facções criminosa organizadas. Mas Recife ainda tem uma carta na manga. E lá vêm os tubarões de Boa Viagem.
É uma batalha secular meus amigos!"


O que há de tão especial no Carnaval que faz com que esqueçamos a realidade (socialmente falando)?
Compartilho do mesmo pensamento do antropólogo Roberto Damatta, em sua obra "O que faz do Brasil, Brasil?", onde o autor expõe seu raciocínio acerca do Carnaval, e o poder que este tem de modificar a rotina diária dos brasileiros.
Esquecer dos problemas cotidianos; tirar os uniformes; se tornar igual aos outros (somente mais um folião); se libertar da hierarquia social. Tudo isto em apenas alguns dias. E que dias...
Como diz Chico Buarque na canção "sonho de um Carnaval".

"Carnaval, desengano

Deixei a dor em casa me esperando

E brinquei e gritei e fui vestido de rei
Quarta-feira sempre desce o pano"

Na quarta-feira tudo volta ao normal. Voltamos às formalidades; tornamo-nos desiguais; decrescemos na hierarquia; deixamos de ser "reis". E todos os problemas da vida diária saltam aos olhos novamente.
Será que a vida é somente no Carnaval e os outros dias é que não fazem parte da verdadeira realidade? Será? Será que as fantasias e as mortalhas são as verdadeiras fantasias? Ou seria o paletó a grande fantasia? Será mesmo que o Carnaval é a ilusão? Ou seria esta imposição do modo de produção capitalista? Quando será que a quarta-feira vai chegar?
Bom seria se vivêssemos um Carnaval diário. Todos os dias dançando Frevo, Axé, vendo a Mangueira passar e sendo pouco mais lúcidos.
Isto me arrancou suspiros. Não sei se de esperança ou de alívio.

Até a próxima Micareta - realidade (ou fuga) fora de época.

"Quanto riso, ah, quanta alegria
Mais de mil palhaços no salão
O Arlequim está chorando pelo amor da Colombina
No meio da multidão".

6 Comentários:

Blogger Bratu disse...

hEHEHE

Hemoroide e foda mesmo.
Belo Blog
Otimo post

Gostaria de ver, pq gostei muito de seu blog se vc gostaria de fazer parceria comigo
Oque vc acha?
Obrigado
espero resposta

03/03/2008 21:50  
Anonymous Zero disse...

Hemorroida é sinistro meu...
e vc ainda tem labirintiti?! oO
sinissstro!!!
hahaiuohaiohaiuhaihaiha

Bem Sô mais o frevo e maracatú!!!
mas acima de tudo los hermanos... xD

hahaoihaoihoahioahiohaioa

Abração!

03/03/2008 22:08  
Blogger Bratu disse...

Entao, queria ver se voce tem um Banner, pra mim colocar em meu Blog, Ou se voce nao tiver eu coloco seu link la. Para o pessoal ver os Blogs que estou lendo. Dai voce faiz o mesmo mais adiciona meu Banner no seu.
Oque voce me diz?

04/03/2008 09:56  
Blogger Tadeu Baptista disse...

O caso das hemorroidas já está resolvido. Doi um pouco é claro, principalmente pelo fato de ser baiano e ter o costume de comer bastante pimenta. O que não torna agradável o pós-comido.

Sinceramente ainda não sei onde está a realidade. Não saberia diferenciar quais fantasias são realmente as fantasias (paletó ou mortalha).
Como diria Prof. Artur Perrusi, isso dá um bom bolero.

04/03/2008 11:56  
Blogger Bratu disse...

Otimo
Vou colocar o seu tbm ;)

04/03/2008 11:57  
Blogger Mickey disse...

hua....gostei do post fera, mas aki muitas letras juntas me dao nauseas,,,rsrssr to brinkando, mas ta vlndo, depois passa no meu brother

04/03/2008 17:03  

Postar um comentário

<< Página inicial